Atualmente estamos operando somente nas nossas redes sociais oficias

Curtinha: Cruzeiro alcança 17ª vitória e aumenta chances de título para 96%

O embalo do Cruzeiro, invicto há 11 rodadas, vai afunilando cada vez mais a já apertada disputa pelo título do Campeonato Brasileiro, mesmo a 13 rodadas do fim. Após a goleada por 4 a 0 sobre a Portuguesa no Mineirão, a Raposa aumentou em dois por cento suas chances de título e chegou a 96% de probabilidades de ser a campeã, segundo cálculos do matemático Oswald de Souza. Além disso, a equipe vê dois de seus três concorrentes quase abandonarem o duelo pelo troféu: o Botafogo, há quatro jogos em jejum, teve suas chances reduzidas para 1%, enquanto o Atlético-PR, após duas derrotas seguidas, praticamente abandonou a briga, com a remota porcentagem de 0,5%.

- A chance do Atlético-PR chegar ao título é reduzidíssima, apenas uma em 200 - explicou o matemático.

O Grêmio, apesar da diferença de 11 pontos para o líder, não deixou a desvantagem aumentar e ainda se mantém firme como um dos postulantes ao título após vencer o Atlético-PR por 1 a 0, na Arena do Grêmio. O Tricolor agora tem 2,5% de probabilidade de ser campeão. Se os números não são muito favoráveis na briga pelo troféu, a situação muda de figura quando o assunto é o passaporte para a Libertadores. A equipe está cada vez mais próxima da classificação matemática para o principal torneio sul-americano, com 90%. Outros vitoriosos da rodada, Vitória (17%), Santos (14%), Corinthians (9%) e Flamengo (4%) também viram suas chances ampliarem na briga pelas três vagas restantes. Fluminense (10%), Internacional (8%), Goiás (4%), Bahia (3%), Portuguesa (2%) e Coritiba (1%) viveram situação inversa na rodada, mas também seguem no páreo.

Guia contra a degola:

A briga para fugir do rebaixamento esquentou entre Vasco e São Paulo. Após quadro rodadas no Z-4, o Cruz-Maltino fez 3 a 1 sobre o Internacional, voltou a vencer depois de seis jogos pelo Brasileiro e empurrou para a zona da degola o Tricolor, que levou 3 a 0 do Santos na Vila Belmiro. As equipes inverteram as posições na tabela, mas suas chances de queda são quase iguais: 35% para os cariocas, contra 38% dos paulistas. O Vitória praticamente já se vê sem ameaça, enquanto 14 clubes ainda correm riscos. Os mais ameaçados continuam sendo o Náutico, ainda com 99% apesar dos dois triunfos consecutivos, a Ponte Preta, com 87% após ser derrotada em casa pelo próprio Timbu, e o Criciúma, que tinha um jogo a mais e teve sua probabilidade de degola mantida em 67% mesmo sem entrar em campo.

Fonte: Globo Esporte

About Me

Tecnologia do Blogger.

Blog Archive

Comments

Destaques

Facebook

Destaques

Find Us On Facebook

Random Posts

Advertise

Futebol

Nosso Instagram

Social Share

Random Posts

Destaques

Sponsor

Recent comments

Destaques
Destaques

Labels

Labels

Advertise

Destaques

Recent Comments

Destaques

Popular Posts

Recent Comments

Pages

Pages

Popular Posts

Most Popular

Curta nossa Fan page

Destaques