Fluminense volta a finalizar muito contra o Grêmio, e Jean se destaca


O Fluminense não conseguiu marcar os gols que precisava para sair do Maracanã com a vitória diante do Grêmio, na noite de sábado, mas não dá para culpar o time por não ter tentando (veja melhores momentos no vídeo). Com 18 finalizações no empate em 1 a 1, o Tricolor alcançou sua terceira maior marca neste Brasileiro (atrás apenas das 25 conseguidas contra a Portuguesa, na 21ª rodada, e as 19 diante do Inter na sétima rodada, e repetindo a o número alcançado contra o Coritiba, na quarta rodada).

O número representa uma alta considerável com relação às últimas partidas. Nos cinco jogos anteriores ao duelo contra o Grêmio, o melhor índice alcançado foi de 12 finalizações, contra Botafogo (25ª rodada) e Vasco (27ª).

Como bem destacaram os jogadores ao fim da partida, não é sequer o caso de criticar tanto a pontaria. Dos 18 chutes, nove foram na direção do gol, um aproveitamento superior a 50%, e outras cinco bolas foram bloqueadas por defensores gremistas. Um fator importante foi a atuação do goleiro Marcelo Grohe, que fez quatro defesas consideradas difícieis, todas no primeiro tempo, no período em que o time das Laranjeiras fez verdadeira blitz em busca do empate.

O zagueiro Gum reconheceu a dificuldade do time em traduzir as chances criadas em gol nessa sequência de quatro jogos sem vencer (dois empates e duas derrotas):

- Uma preocupação é que a bola não está entrando, aí dificulta ainda mais. A equipe está lutando, tentando, correndo, isso que importa. E hoje conseguimos um empate na superação. Vamos continuar trabalhando que naturalmente a equipe vai vencer.

Os dois principais destaques no quesito finalização foram Rafael Sobis e Jean, ambos com cinco. Do atacante, conhecido por seu potente chute, já é esperado um índice elevado de conclusões a gol. Mas o volante chamou atenção pelo poder de fogo. Dinâmico, apareceu diversas vezes no ataque, e quando não chutou, participou das tramas ofensivas. Não à toa a dupla recebeu as notas mais altas nas atuações do GLOBOESPORTE.COM.

- Ele (Marcelo Grohe) fez defesas espetaculares, teve uma noite feliz, todos os méritos para ele. O que vale é que nós seguimos lutando - explicou Sobis.

Fonte: Globo Esporte