Atualmente estamos operando somente nas nossas redes sociais oficias

Veteranos do Flu assumem pressão, creem em virada e apelam ao torcedor

O abatimento era visível no semblante de cada jogador do Fluminense que desembarcou nesta segunda-feira à tarde no Rio de Janeiro. O rosto denunciava o cansaço pela viagem e as poucas horas de sono de boa parte do elenco, abatido com a derrota para o Corinthians e a entrada na zona do rebaixamento. Sem saber como explicar a péssima fase, os veteranos preferiram assumir a responsabilidade pelo momento ruim e pela recuperação do time, apelando ao torcedor e preservando os mais jovens. 

A própria escalação do técnico Vanderlei Luxemburgo, demitido nesta segunda-feira, em Araraquara já dava sinais claros dessa preocupação. O treinador deixou Rafinha e Biro Biro, que vinham sendo titulares, no banco de reservas. Preferiu também improvisar Jean e Felipe nas laterais a escalar os garotos Igor Julião e Léo. 

O time que perdeu por 1 a 0 para o Corinthians não tinha nenhuma prata da casa e, a julgar pelas declarações dos jogadores, é provável que continue nessa linha. O Tricolor tem 36 pontos e está na 18ª posição. 
- É importante ter jogadores experientes nessa hora. Não é o momento de queimar os jovens, os mais velhos têm de segurar isso. É hora de preservá-los – disse o veterano meia Felipe.
O volante Edinho, capitão da equipe, está suspenso do confronto de quinta-feira contra o Náutico. O jogador era um dos mais abatidos no desembarque tricolor e revelou que foi difícil pregar o olho após a nona rodada seguida sem vitória no Brasileiro. 

- A gente queria estar brigando por títulos, mas estamos passando por essa situação. Não sei bem como explicar isso. Fui dormir só às 6h, pensando em tudo o que está acontecendo, tamanha é a nossa dor de cabeça
Ao menos, o torcedor tricolor não apareceu para protestar no aeroporto, algo que ocorreu pouco antes com o elenco alvinegro, que levou até ovada. Os jogadores apelaram para que a torcida apoie o time, que terá dois jogos seguidos em casa. 
- Hoje não teve protesto, mas é claro que o nosso torcedor vai cobrar. É direito dele e ele está chateado. Eu apelo para que ele nos apoie, vamos precisar do torcedor para sair dessa situação – disse Edinho. 
A diretoria do Fluminense fez promoção no preço dos ingressos, que estão à venda por R$ 2 para quem é sócio-torcedor e a R$ 10 para o torcedor comum. O Tricolor enfrenta o Náutico nesta quinta-feira, às 21h, no Maracanã, e depois o São Paulo, no domingo, às 17h, também no mesmo estádio

Fonte: Globo Esporte

About Me

Tecnologia do Blogger.

Blog Archive

Comments

Destaques

Facebook

Destaques

Find Us On Facebook

Random Posts

Advertise

Futebol

Nosso Instagram

Social Share

Random Posts

Destaques

Sponsor

Recent comments

Destaques
Destaques

Labels

Labels

Advertise

Destaques

Recent Comments

Destaques

Popular Posts

Recent Comments

Pages

Pages

Popular Posts

Most Popular

Curta nossa Fan page

Destaques