Flu usará Conca para atrair novos sócios e mira dobrar arrecadação

Basta acessar o site do Fluminense para, na tela inicial, o internauta perceber que a importância de Fred vai muito além das quatro linhas do gramado. Ao segurar um cartão do sócio futebol, o centroavante é o atual chamariz do clube por novos associados. Realidade que em breve irá mudar. A contratação de Conca, seguida de idolatria dos torcedores, comprovado pela última vez na quinta-feira, antes do empate com o Bonsucesso, no reencontro do meia com a torcida no Maracanã, fará o marketing do clube aperfeiçoar a campanha. O argentino não só irá dividir peças com o camisa 9 como, em algumas delas, será o principal personagem em uma meta ousada: o Tricolor espera terminar a temporada com 50 mil sócios. 

Atualmente, há 28 mil pagantes nas Laranjeiras – entre as modalidades social, sócio futebol e híbrida. O plano, revelado em entrevista ao GloboEsporte.com pelo diretor-geral Luiz Fernando Pedroso, é uma espécie de obsessão no segundo mandato do presidente Peter Siemsen. E, no que diz respeito a Conca, vai além: haverá uma linha de produtos, ainda não definidos, relacionados ao jogador, que também terá a imagem usada para a venda de camisetas. 

- O Conca será uma das principais plataformas que teremos nesse ano para trabalhar no marketing. Temos que acertar detalhes contratuais para desenvolvermos algumas coisas, mas trabalharemos produtos relacionados a ele e a questão do sócio do futebol. O que apostamos é inverter a lógica: o investimento no jogador irá gerar outras receitas ao clube – explica o explica o diretor executivo de marketing do Flu, Alexandre Vasconcellos. 

Repatriar o atleta do futebol chinês, após dois anos e meio, não teve custos, afinal, o contrato dele com o Guangzhou Evergrande terminou. Por mês, recebe R$ 700 mil. E, se o clube atingir a meta, saltará dos atuais R$ 1,2 milhão para R$ 3 milhões mensais com sócios. Ou seja, terá lucro. Sem falar na possível arrecadação com outros produtos. 

- O Conca tem a cara da torcida do Fluminense. Vamos apostar nisso. Assim como o Fred tem e já nos deu ótimo retorno. São dois ótimos personagens e, com eles, aumentamos o leque. Quanto mais, melhor. Não entendo que sejam excludentes. Fred tem apelo, é o titular da Seleção e um atleta reconhecido internacionalmente – completa Vasconcellos. 

Se der certo, ganha o Flu fora de campo. Dentro dele, a julgar por quinta, o cenário é positivo...

Fonte: Globo Esporte