Certeza e dúvidas: Fred, Cavalieri e Jean dividem sonho da Copa no Flu

Certeza para um, dúvida e sonho distante para outros. Fred certamente passou uma noite tranquila e acordou nesta quarta-feira realizado. Às 11h30m (de Brasília), numa casa de shows no Aterro do Flamengo, o técnico da seleção brasileira, Luiz Felipe Scolari, divulgará os 23 convocados para a Copa do Mundo no Brasil. E o camisa 9 tricolor nem precisa assistir. É certo que o nome dele estará na lista, já que Felipão o garantiu no Mundial com antecedência. 

Outros dois jogadores do Fluminense, no entanto, vivem um dia de expectativa nas alturas. Para o goleiro Diego Cavalieri e o volante Jean, campeões da Copa das Confederações no ano passado, o chamado para a Copa é incerto, principalmente no caso do segundo. 

Cavalieri concorre com Victor, do Atlético-MG, pela vaga de terceiro goleiro. Com Julio César, do Toronto, do Canadá, garantido, e Jefferson, do Botafogo, muito bem cotado, resta um lugar. O tricolor foi o terceiro goleiro de Felipão na Copa das Confederações, mas hoje vê o concorrente num momento melhor. Não que esteja jogando mal, mas é que o camisa 1 do Galo fez grandes partidas nesta temporada, principalmente na Libertadores da América. Depois de um 2013 muito difícil com o Fluminense, Cavalieri ainda não fez nenhuma partida brilhante em 2014. A regularidade é seu ponto forte. Resta saber se será suficiente para que tenha a chance de fazer parte do grupo. Em recente entrevista coletiva nas Laranjeiras, se disse tranquilo com a situação. 

- Expectativa todos têm. Se falar que não estou nem aí, estaria mentindo. É um objetivo, mas sempre fui bem tranquilo, sempre bem resolvido. Minha cabeça está focada. Não adianta pensar na convocação e esquecer o agora. Tenho de respeitar todas as bolas, as fáceis e as difíceis. Não adianta inventar pensando no futuro. Tenho de fazer as defesas sem querer aparecer. 

Enquanto Cavalieri convive com a dúvida, Jean alimenta a esperança de voltar a ser lembrado pelo treinador da Seleção. No ano passado, foi à Copa das Confederações como lateral-direito, mas não é chamado há dez meses. No período, enfrentou a má fase no clube, mas voltou a jogar bem, principalmente nas primeiras partidas da temporada. Hoje, alterna bons e maus momentos. A concorrência no meio-campo da equipe brasileira só torna o cenário ainda mais complexo para o camisa 7 do Fluminense. Ramires, do Chelsea, e Paulinho, do Tottenham, ambos da Inglaterra, estão garantidos. 

- Sei que todos têm chances enquanto não sair a lista de convocados. A receita é estar bem no Fluminense para poder ser lembrado. Na minha vida toda, as oportunidades não avisaram antes de chegar - comentou Jean, em recente entrevista. 

Na véspera da divulgação da lista, Felipão não descartou uma surpresa, apesar de assegurar que grande parte dela estará de acordo com as expectativas. Aos companheiros de Fred, Cavalieri e Jean no Fluminense, resta torcer. Para que o camisa 9 brilhe na Copa e para que o goleiro e o volante possam ser novamente lembrados. 

- Aparentemente eles estão tranquilos. O Fred praticamente certo pelo que foi passado. O Diego nós estamos torcendo muito. Além de ser um grande goleiro, trabalha muito e é merecedor. Estamos torcendo. Sabemos que apesar dessa tranquilidade que passam, estão ansiosos. E nós também - comentou o zagueiro Gum, que em entrevista coletiva chegou a brincar com uma pergunta sobre qual será o quarto zagueiro chamado por Felipão, candidatando-se à vaga.

Fonte: Globo Esporte
Texto: Richard Souza
Foto: Editoria de arte