Flu segura pressão, vence Sidekicks e é campeão da Liga das Américas

O Fluminense passou sufoco, mas venceu o Sidekicks e sagrou-se- campeão da Liga das Américas de Futebol 7. Na noite deste domingo, em Lima, no Peru, o time brasileiro derrotou a equipe mexicana por 3 a 2, com gols de Zé Renato, Vinícius e Henrique. Alvarez descontou duas vezes. Além do título, o Tricolor conquistou a vaga para a Liga Mundial, que ocorre em dezembro, em Curitiba.

O jogo começou com atraso, mas assim que a bola rolou houve boas jogadas para ambos os lados. Aos dois minutos, Garcia cobrou lateral direto para o gol, mas o lance foi anulada porque a bola não bateu em mais ninguém antes de entrar na meta tricolor. No lance seguinte, Zé Renato aproveitou a sobra após bate-rebate na área e abriu o placar para o Flu: 1 a 0. Melhor no início, o Tricolor quase sofreu o empate em duas bobeadas da defesa. Já nos acréscimos, o Sidekicks deu um susto no time brasileiro ao carimbar a trave de Igor.

No segundo tempo, o Fluminense começou apostando nos contra-ataques. Aos sete minutos, Cadu fez boa jogada pela esquerda, e Vinicius empurrou para o gol na segunda trave, ampliando o placar. Aos 11 minutos, o Sidekicks descontou em cobrança de falta ensaiada, com Alvarez empurrando para o gol quase em cima da linha.

Daí em diante, o time mexicano pressionou muito, e Igor salvou o Flu repetidas vezes. Apesar da enorme pressão na defesa, o Tricolor seguiu bem no ataque e voltou a ampliar aos 20 minutos. Henrique arrancou e soltou uma bomba de canhota para encaminhar a vitória com 3 a 1. O Sidekicks apostou no goleiro-linha para aumentar a pressão e, na prorrogação, Alvarez marcou novamente. O time mexicano se lançou de vez ao ataque e deu contornos dramáticos ao jogo, mas o Flu segurou a pressão e confirmou o título.

Fonte: Globo Esporte

Postar um comentário

0 Comentários