Fluminense tem maior volume de jogo, mas empata sem gols com Atlético-MG

Com maior presença no ataque durante toda a partida, inclusive, com uma bola na trave, e superioridade na posse de bola, o Fluminense empatou sem gols com o Atlético Mineiro, na noite desta quinta-feira, 9, no Maracanã. O resultado deixou o Tricolor em oitavo lugar no Campeonato Brasileiro, com 42 pontos, após a disputa da 27ª rodada da competição.

Antes de a bola rolar, o Maracanã ficou iluminado de rosa numa ação da Campanha Mundial Contra Câncer de Mama para lembrar as mulheres sobre a importância de manter os exames em dia. Além do colorido diferente, os jogadores do Tricolor entraram em campo com uma fitinha rosa presa na camisa. A campanha Outubro Cor de Rosa é uma parceria da Secretaria de Estado de Saúde, com o Fluminense, o Maracanã e Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FFERJ).

No início da partida, o Atlético Mineiro não ofereceu grandes perigos ao Fluminense, que tinha maior posse de bola e chegou com força logo aos nove minutos em cabeçada de Fred, após cobrança de escanteio de Conca. A partir de uma boa chegada, aos 26, em mais uma jogada do craque argentino e de Bruno, o Tricolor passou a tomar conta do jogo.

Com ataques em sequência, em três minutos o Flu teve três chances, ao acertar a trave numa cabeçada de Cícero, em nova cobrança de escanteio de Conca, aos 29, num chute forte de Edson, que raspou a trave direita, e numa conclusão apertada de Fred. Antes de terminar o primeiro tempo, no entanto, só houve mais uma oportunidade do Atlético. Edson conseguiu evitar, aos 35.

A maior presença ofensiva do Fluminense continuou no segundo tempo. Logos aos seis, o Tricolor teve jogada perigosa logo, num cruzamento de Fred, que a defesa atleticana rechaçou. Se a posse de bola do Flu já era maior nos 45 minutos iniciais, aumentou ainda mais na segunda metade do jogo e chegou a 63%. O time mineiro, por sua vez, tentava chegar nos contra-ataques.

O Tricolor investiu novamente aos 33, quando Kenedy, que acabara de entrar, cruzou, mas ninguém conseguiu aproveitar. Na sobra, o jovem atacante tentou novamente, mas Victor pegou. As tentativas de chegar ao gol mineiro não vingaram e o jogo acabou empatado sem gols.

FLUMINENSE 0 X 0 ATLÉTICO-MG

Data e hora: 09/10/2014, às 19h30 (horário de Brasília)
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Auxiliares: Carlos Berkenbrock (SC) e Nadine Schramm Camara Bastos (SC)
Cartões amarelo: Luan e Leandro Donizete (ATL) Cícero (FLU)
Público e renda: 10.320 pagantes / 11.933 presentes / R$ 248.565,00

Fluminense: Diego Cavalieri; Bruno, Marlon, Fabrício e Fernando (Chiquinho); Edson (Kenedy), Rafinha, Cícero, Conca e Wagner; Fred. Técnico: Cristóvão Borges

Atlético-MG: Victor; Marcos Rocha, Jemerson, Edcarlos e Alex Silva; Leandro Donizete, Dátolo e Guilherme; Carlos, Jô e Luan (Cesinha). Técnico: Levir Culpi

Comunicação Institucional FFC
Fotos: Nelson Perez/Divulgação FFC
Fonte: Site Oficial do Fluminense FC

Postar um comentário

0 Comentários