Atualmente estamos operando somente nas nossas redes sociais oficias

Enderson Moreira explica que Flu sentiu sequência de viagens e desfalques


A mudança na postura da equipe tricolor no segundo tempo da partida contra o Atlético-MG, neste domingo, 30, no Maracanã, foi muito elogiada pelo técnico Enderson Moreira durante a coletiva de imprensa realizada após o jogo. Porém, o treinador lembrou que o time vem de uma sequência cansativa de viagens – na última semana atuou em Santa Catarina e depois atravessou o Brasil para jogar no Pará, pela Copa do Brasil. Assim, no fim do segundo tempo, o time diminuiu o ritmo e acabou pagando um alto preço.

- Fizemos um primeiro tempo ruim, apesar de duas chances claríssimas. No segundo tempo, nós fizemos algumas mudanças, jogamos o Wellington (Paulista) para o lado, houve a entrada do Gerson, Scarpa veio para a linha de quatro, adiantamos Jean e Cícero. Acho que o time encaixou bem, fizemos o gol de empate, mais uma chance no chute do Jean, crescemos no jogo, estava equilibrado, talvez a gente tenha pagado nos últimos dez minutos pela sequência de viagem, e o Atlético foi mais inteiro nesse período do jogo e acabou aproveitando a oportunidade que teve – disse o treinador.

Enderson ressaltou que o Fluminense tem jogado frequentemente sem peças importantes e isso, evidentemente, influencia dentro de campo. No jogo deste domingo, por exemplo, o Tricolor não pôde contar com sua dupla principal de atacantes, pois Fred ainda se recupera de uma lesão e Marcos Junior estava suspenso.

- Dor de cabeça constante, vários e vários desfalques. O Atlético não tinha nenhum jogador fora, uma situação que para nós não acontece há várias rodadas. Buscamos alternativas. Às vezes, funciona num jogo ou outro. Em virtude do que temos passado, contusões, cartões, saída do Marlon para a seleção (olímpica). Temos jogadores extremamente importantes que não participaram do jogo. Vamos focar na frente. Não adianta lamentar. Só estou constatando que estamos com algumas dificuldades

Se os desfalques são motivo de preocupação, ao menos o treinador ganhou um bom “reforço” neste jogo. Após algumas rodadas ausente, o meia Gerson retornou ao time, jogou durante todo o segundo tempo e teve atuação destacada.

- Conseguiu jogar bem em 30, 35 minutos, mas não manteve o ritmo na reta final. É natural que sinta. A gente percebeu que ele foi bem ao longo da semana, percebemos isso no treino de sexta. É uma questão muito mais dele do que nossa. Foi uma questão dele de querer jogar. A gente conta com ele e sabe que vai nos ajudar muito – concluiu Enderson.

Comunicação institucional FFC
Fotos: Bruno Haddad – Divulgação FFC
Fonte: Site Oficial do Fluminense FC

About Me

Tecnologia do Blogger.

Blog Archive

Comments

Destaques

Facebook

Destaques

Find Us On Facebook

Random Posts

Advertise

Futebol

Nosso Instagram

Social Share

Random Posts

Destaques

Sponsor

Recent comments

Destaques
Destaques

Labels

Labels

Advertise

Destaques

Recent Comments

Destaques

Popular Posts

Recent Comments

Pages

Pages

Popular Posts

Most Popular

Curta nossa Fan page

Destaques