Preocupado com forte calor, Eduardo Baptista pede inteligência ao Flu


O forte calor que deve fazer durante a partida entre Cruzeiro e Fluminense, às 11h deste domingo, 18, é uma das maiores preocupações do técnico Eduardo Baptista. Em entrevista coletiva concedida na manhã desta sexta-feira, 16, o treinador revelou que pediu ao time que jogue de forma inteligente, valorizando a posse de bola, para evitar o desgaste excessivo em campo.

- Difícil. Vamos jogar num clima muito quente. O time tem que ser inteligente, jogar bem posicionado e organizado para não se desgastar. Não pode rifar a bola para não ter que correr atrás – explicou o treinador.

Vale lembrar que o horário de verão tem início neste fim de semana, mais precisamente na madrugada de sábado para domingo. Ou seja, efetivamente a partida será realizada uma mais cedo. Por este motivo, a comissão técnica programou a maioria dos treinos desta semana para a parte da manhã, com o objetivo de adaptar os atletas ao clima do jogo.

- Os treinos foram pela manhã para ter uma adaptação. Ainda vamos perder mais uma hora de sono. Neste sentido, tomamos alguns cuidados tanto na parte nutricional como na física. O clima vai ser parecido com este daqui. Acho perigoso um jogo desse porte em um horário desse – comentou.

Há praticamente um mês no comando técnico do Tricolor, o treinador tem sido elogiado pelos ajustes táticos que promoveu, sobretudo no setor defensivo. Ao ser perguntado sobre qual avaliação dava para o próprio trabalho, Eduardo fez questão de destacar o comprometimento dos atletas.

- Vou avaliar os jogadores. Foram fundamentais para esse começo de evolução. São apenas os primeiros passos. Mérito dos atletas, que acreditaram na filosofia e se comprometeram a fazer o que eu peço. Estou contente pela entrega deles. Não adianta chegar com proposta, se não tem a aceitação deles.

Comunicação institucional FFC
Fotos: Nelson Perez – Diculgação FFC
Fonte: Site Oficial do Fluminense FC