Atualmente estamos operando somente nas nossas redes sociais oficias

Campeão sub-20, Léo classifica chance no profissional como espetacular


Um dos destaques do Fluminense na conquista do título do Campeonato Brasileiro Sub-20, o lateral-esquerdo Léo foi promovido ao elenco profissional e, com disciplina e aplicação tática, rapidamente conseguiu conquistar a confiança do grupo e da comissão técnica. Não à toa, o jogador recebeu oportunidades na equipe titular, correspondeu às expectativas e foi amplamente elogiado pelo treinador Eduardo Baptista. Porém, um infortúnio acabou atrapalhando sua sequência no melhor momento.

O jogador fraturou o quinto metatarso do pé direito no jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil, contra o Grêmio, em Porto Alegre. Após passar por uma intervenção cirúrgica, em outubro, a previsão era de que Léo só tivesse condições de jogo na próxima temporada. Contudo, o jovem atleta seguiu rigorosamente as recomendações do departamento médico, respondeu bem às sessões de fisioterapia e voltou a treinar antes do previsto. Com muito empenho e dedicação, o jogador conseguiu se recuperar a tempo de participar das últimas duas rodadas do Campeonato Brasileiro.

Em entrevista ao site oficial, Léo fez um resumo de tudo que aconteceu neste ano, comentou a lesão, a felicidade de jogar pelo profissional, o apelido, a fama etc. Confira abaixo o que disse a jovem joia tricolor.


Como foi a experiência de jogar pela equipe profissional do Fluminense?

- Eu senti um gostinho aqui em 2013, quando fui para o banco em quatro jogos. Não entrei, nem atuei, mas foi importante para sentir o clima do profissional, que é muito diferente da base. Desta vez, tinha acabado de jogar o Brasileiro Sub-20, em que fomos campeões, e estava me preparando mentalmente para estar pronto quando viesse a oportunidade. Felizmente ela veio e foi espetacular.

Você vivia um grande momento quando fraturou o pé no confronto com o Grêmio, pela Copa do Brasil. Depois do jogo, a sua imagem chorando gerou uma grande comoção. O que passou pela sua cabeça naquele instante?

- Na hora em que fui correr, meu pé estalou. Isso aconteceu no primeiro tempo, com uns 35 minutos. Orei a Deus para que o jogo fosse logo para o intervalo. Pensei “se for o dedinho que destroncou, vou enrolar alguma coisa e vou na raça”. Acabou que joguei com o pé quebrado e só descobri a gravidade depois. Aquilo me abateu um pouquinho porque me esforcei bastante para chegar ali e estava recebendo oportunidade. Mas no dia seguinte já sabia que era coisa do futebol e que eu teria que superar. Graças a Deus, superei.

Por diversas vezes você já explicou que o apelido de Léo “Pelé” surgiu por conta da sua semelhança física com o Rei do Futebol e que prefere ser chamado apenas de Léo. Como você lida com isso?

- Eu falo sempre: é só a aparência. O futebol não se compara, até porque o Pelé é incomparável. Eu sempre peço para que me chamem de Léo, mas, se as pessoas não conseguirem fazer isso, é uma coisa que não posso forçar. É tranquilo, não é motivo para brigar com ninguém. Se me chamar de Léo Pelé, respondo na boa, levo na boa.


A torcida tricolor tem um grande carinho pela molecada formada em Xerém. As pessoas já estão te reconhecendo nas ruas?

- Esse ano foi bom nessa parte também. Estava jogando o Brasileiro muito focado, pois tinha o objetivo de vir para o profissional em 2015. As pessoas estavam começando a conhecer e divulgar, mas quando se está no profissional é outra coisa. As crianças da minha rua (Léo mora em São João de Meriti) se espelham em mim, falam que querem ser jogadores. Lá da rua de onde vim não tinha saído ninguém de time de ponta. É muito gratificante saber que as crianças estão se inspirando em você, motivo de orgulho.

O que a apaixonada torcida tricolor pode esperar do Léo para 2016?

- O torcedor pode esperar um Léo focado, com humildade, muito sério no que faz e sempre querendo dar o melhor dentro de campo. Mesmo com a minha idade, fui doutrinado bem pelos meus pais. Minha família é humilde e sempre quis o meu melhor.

Comunicação institucional FFC
Fotos: Nelson Perez e Bruno Haddad – Divulgação FFC
Fonte: Site Oficial do Fluminense FC

About Me

Tecnologia do Blogger.

Blog Archive

Comments

Destaques

Facebook

Destaques

Find Us On Facebook

Random Posts

Advertise

Futebol

Nosso Instagram

Social Share

Random Posts

Destaques

Sponsor

Recent comments

Destaques
Destaques

Labels

Labels

Advertise

Destaques

Recent Comments

Destaques

Popular Posts

Recent Comments

Pages

Pages

Popular Posts

Most Popular

Curta nossa Fan page

Destaques