Novo uniforme será lançado no fim de janeiro, e Flu usará Adidas nos EUA

Fluminense e a Dryworld correm contra o tempo para lançar o novo uniforme tricolor. Com a intenção de estrear no Carioca de roupa nova, o clube das Laranjeiras e a fornecedora de material esportivo canadense preparam a festa de lançamento da vestimenta para o final de janeiro - o time entra em campo no dia 31, no Raulino de Oliveira, contra o Volta Redonda. Até lá, nos Estados Unidos, para a pré-temporada e disputa do Torneio da Flórida, o time usará Adidas. Em treinos e jogos. 

É o que ocorre, por exemplo, na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Na disputa da competição sub-20, os meninos de Xerém usam o uniforme da antiga parceira - a rescisão com a Adidas e o acerto com a Dryworld foram anunciados no último dia 30 de dezembro. A troca não foi automática.


Foto: Divulgação
O contrato do Flu com os canadenses tem validade a partir de fevereiro. Assim, há tempo para os últimos acertos. Como a Dryworld iniciará atividades no Brasil, terá de criar uma estrutura de produção e distribuição do material - estuda a compra de uma fábrica no país. Nesta lógica, o começo das vendas ao público está previsto para março - no dia do anúncio, a empresa fez uma venda especial, via internet, de 100 unidades. 


A Dryworld pagará R$ 13,5 milhões por ano por um contrato de cinco temporadas. O acordo com a Adidas, iniciado em 1996, rendia R$ 4,5 milhões a cada 12 meses. Em compensação, a empresa alemã dispendia de mais valores do que o oferecido pela canadense em royalties por vendas e premiações por desempenho esportivo. A Dryworld fechou com o Atlético-MG e ainda negocia com o Botafogo.

Fonte: Ge
Texto: Hector Werlang